segunda-feira

Quem é tonto???

Oi Fred! Eu comecei a namorar em 2012 e no natal de 2014 ele terminou comigo, eu sofri e chorei muito, mas aprendi com a saudade e segui com a minha vida sem ir atrás dele. Após um ano do termino ele voltou e começamos a ficar de vez enquanto até ele sumir e reaparecer novamente, e nesse some e aparece dele já vem durando um bom tempo...  No ano passado ele me revelou que gostava realmente de mim e queria voltar a ter algo sério comigo, mas que para que a nossa relação desse certo teria que ser em segredo. Como eu gostava muito dele eu concordei até que eu descobri o verdadeiro motivo do segredo era porque ele tinha uma namorada real e eu era a segunda opção, fiquei nervosa e acabei com tudo, mas por sermos muito amigos e com jeitinho ele conseguiu voltar a falar comigo e logo estávamos ficando novamente... Passaram-se dois meses e cansei daquela situação e resolvi por um ponto final na nossa história sem brigas sem ressentimentos apenas dei um basta, foi difícil, mas foi à coisa certa se fazer. O problema e que ele começou e me procurar e está insistindo em voltar, diz que começou a namorar por causa do meu ciúme e para me esquecer... E agora o que eu faço???  


Ele já teve todas as chances possíveis!!! Você sabe o que ele realmente quer??? e ficar com as duas!!! não seja tonta para cair novamente nessa ladainha de que ele está arrependido, pois isso é historinha para embebedar o peru... Vamos analisar a sua relação: começou com um namoro de dois anos, depois ele foi rebaixado para umas ficadas de vez enquanto, para logo em seguida se tornar a amante de um compromisso as escondidas... O seu relacionamento em vez de avançar, ele recuou!!! Você só pode estar com um parafuso solto se voltar para esse camarada!!! E você ainda pensa nessa hipótese!!! Olha quanto tempo você perdeu com esse enrosco!!! são quase cinco anos, pare de atracar com quem não vale nada e siga em busca do seu futuro, aprenda a olhar para frente, deixando o que ficou para trás para ser catalogado por museu... Espero que a lição dada seja lição aprendida e que no futuro não desperdice tempo com quem não mereça... Porque se for para ser assim; que vá dormir de conga, beliscar parede ou morder fronha...